Cara limpa

watercolor-face

Não costumo sair de casa sem batom. Embora meu estojo de maquiagens esteja criando teias de aranha – rímel, sombras, delineador, todos esquecidos no fundo do armário – a cor nos lábios é quase um imperativo. Uma obrigação de cuidado comigo, de causar impacto, marcar presença. Compromisso firmado de nunca sair de casa sem ele. Ou eles, já que em cada bolsa carrego uns quatro ou cinco. Uma coleção de guarda-chuvas contra a cara abatida e os olhares de nossa, você está tão cansada ou que foi? está doente?. Porque, no imaginário de quem nos analisa, sem maquiagem também significa alguma maquiagem. Uma base leve, um batom rosado “cor de boca”, rímel transparente, lápis branco, blush clarinho. Colocando produtos para parecer que está com a cara limpa.

Acho que só vejo meu rosto totalmente limpo quando acordo. Acostumei tanto com ele fantasiado de vermelho, lilás ou cor de vinho – e, ocasionalmente, preto – que quase não me reconheço ao ver a cor natural dos lábios refletida no espelho. O reflexo, nestes casos, é semelhante a uma antiga fotografia em preto e branco, com a iluminação estourada, um fantasma com baixo contraste. Leia mais… »